terça-feira, 13 de março de 2012

A estas horas



São onze horas
mas isto nada me diz
se fosse madrugada
talvez eu estivesse acordado
como uma estrela
a vigiar o sono do mundo
para que ninguém morra
de improviso
ou de solidão
mas a estas horas
o meu cão
dorme ao sol .


Sem comentários: